Certificados do Tesouro pagam juro recorde

Quem subscrever o novo produto de dívida pública em Dezembro vai receber um juro anual de 6,5% nos próximos 10 anos.

O IGCP acaba de publicar as taxas de juro para quem subscrever os novos Certificados do Tesouro no próximo mês. A remuneração não só subiu, como atingiu o valor mais elevado desde que estes produtos começaram a ser comercializados, em Julho deste ano. Assim, quem investir nos certificados do Tesouro e os conservar em carteira durante 10 anos terá direito a um juro bruto anual de 6,5%. Trata-se de um valor acima da remuneração oferecida para as subscrições feitas em Novembro (5,65%).

Também a taxa de remuneração prevista para quem manter os Certificados do Tesouro em carteira durante cinco anos subiu para os 5,4%, dos anteriores 4,3%. Só a taxa de juro oferecida para o investimento até ao quinto ano se manteve inalterada nos 1,5%.

Recorde-se que a remuneração destas aplicações segue a evolução das obrigações do tesouro a 10 anos. E como as yields destes títulos estiveram muito elevadas no último mês, devido à crise económica e da dívida pública que o país atravessa, essa subida reflectiu-se no aumento da remuneração dos certificados do tesouro.

fonte:economico

publicado por adm às 23:40 | comentar | favorito