Juros de depósitos sobem pela primeira vez em quatro meses

As taxas de juro dos depósitos a prazo voltaram a subir em Julho, depois de três meses a cair.

Segundo dados do Boletim Estatístico, a taxa de juro praticada pelas instituições financeiras sobre os novos depósitos foi de 3,16% em Julho, um ligeiro aumento face ao mês de Junho (3,13%). Foi a primeira vez desde Março que os juros registaram uma subida.

Recorde-se que em Novembro de 2011 a imposição de um limite nos juros praticados pelos bancos, nos depósitos, fez com que estas taxas caíssem abaixo dos 4% logo nesse mês. O regulador aprovou uma medida que prevê que os bancos que ofereçam uma taxa de juro superior em 300 pontos base à taxa de mercado serão penalizados no seu rácio de capital de base.

A acompanhar a suvida das taxas de juro esteve o montante depositado pelos clientes, que subiu de 7.121 milhões em Junho, para 9.116 milhões de euros em Julho. Dados que comparam com a quebra de cerca de mil milhões de euros registada entre Maio e Junho no montante depositado por particulares.

fonte:http://economico.sapo.pt/n

publicado por adm às 13:34 | comentar | favorito