Depósitos das famílias batem mais um recorde

Os depósitos das famílias portuguesas junto da banca não param de aumentar, apesar da crise, ou precisamente por causa dela. Em fevereiro, os particulares tinham 131.291 milhões de euros nos cofres dos bancos. Um novo recorde. 

Face a janeiro, o aumento foi de apenas 110 milhões, mas face ao homólogo de 2011, o valor subiu 11.427 milhões, ou seja, foi uma subida de 9,5% num ano, revelam dados do Banco de Portugal.

De acordo com o Boletim Estatístico, divulgado esta segunda-feira pelo banco central, os depósitos das empresas, ao contrário dos realizados pelos particulares, caíram. Em fevereiro, as empresas tinham depositados 32.309 milhões de euros, quase menos 200 milhões que em janeiro. Num ano, deu-se uma redução de 1.367 milhões.

No conjunto, o setor privado (particulares e empresas) tinham 163.600 milhões depositados junto da banca.

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/

publicado por adm às 23:07 | comentar | favorito